Início
O Site
Colaboradores
Rodeios
Resultados
Poesias 1
Poesias 2
Poesias por Festival
Poesias Urbanas
Meia Canha
Enc. Poesias
Livros
Fotos

Visitante Nº

Desde Março de 2002



Resultados da
IV Tertúlia Maçônica


Festival Querência Amada
de Rolante
Resultados

 

Charla de Peão

Juarez Miranda
Poeta Nativista

O Rosnildo dos Guaipecas
Cherenga Sangradera
Fazendo Fora do Penico
Não Tá Morto Quem Peleia
Regalo de Prima
O Repique do Aguaçal
A Cadela Alvorotada
Recuerdos do Véio Táta
Cassetinho com Chimia
Camotes de Cambicheiro
Embromas de Um Calavera
Um Chasque Para Meu Cambicho
O Guri das Pandolgas
Demoremo... mas Voltemo!
À Centelha Guapa
O Cancheador de Votos
O Cagaçu do Tapejara
Pampa, Mel e Garupá
O Gaiteiro Canhoto
Empaiando a Rapadura
Peloteando no Varzedo
Farejando a Toca das Mulitas
O Galpão foi Aniquilado
Falquejando o Gatambú
Lonqueando Couro Pra Tento
Na Catinga do Jaguara
Ensebando a Preta Véia
Charqueando a Costela
Enquanto a Cambona Chia
Hoje Amanheceu Chovendo

 

 


"O Campo, lentamente se perfuma, para o peão que cresceu sobre o arreio, e na vida de um guri, tornou-se esteio, JUNTANDO RIMAS pobres, uma a uma"

Versos para um Quarto de Lua - Lauro Antônio Correa Simões


 


Loja virtual completa e barata